Saiba quem era o técnico em enfermagem e o técnico em edificações presos por transmitirem HIV de propósito

Policial

O técnico em edificações Rodrigo Santos e o técnico em enfermagem Victor Igor são o casal que foi preso durante a operação “Carimbadores”, da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), na última sexta-feira (10), em Manaus. Eles tinham como objetivo transmitir o Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) a crianças e adolescentes durante estupros, segundo a polícia

Conforme conversas entre os dois, as quais a polícia teve acesso e ajudou nas investigações e prisões, o casal tinha um relacionamento, se relacionava com outras pessoas e estuprava crianças e adolescentes da mesma família ou de conhecidos.

Além disso, eles buscavam vítimas em locais aleatórios como shoppings, terminais de ônibus e até banheiros públicos. Os dois compartilhavam ainda imagens e vídeos dos abusos em grupos de pedofilia e a partir disso a Polícia Federal começou a atuar no caso e descobriu o crime junto com a PC-AM.

Nas redes, Rodrigo diz que é técnico em edificações e está casado. Em print do Whatsapp em conversa com Victor, ele aparece com o nome de um supermercado da capital, dando a entender que atualmente estava trabalhando lá.

Victor mostra que é técnico em enfermagem e ainda estudante. Não há informações se ele chegou a trabalhar ou fazer estágio de fato em algum hospital da cidade.

Ambos responderão pelos crimes de estupro de vulnerável e exploração sexual na modalidade de pornografia infantil.

Na última sexta-feira, além da prisão dos dois, foram divulgados prints das conversas entre os dois onde eles revelam preferência por crianças muito novas, principalmente meninos. Entre as barbaridades, eles falam de um pai que estupra a própria filha criança e que um deles chegou a estuprar a menina também.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *