MUNDOARGENTINA: Polícia investiga motivação do atentado contra Cristina Kirchner

Internacional

Cristina Kirchner, vice-presidente da Argentina, sofreu um atentado em frente à sua casa em Buenos Aires, na noite de quinta-feira (1º). Segundo a polícia, Fernando André Sabag Montiel, de 35 anos, foi detido por ser apontado como autor da tentativa de disparo, e agora investiga a motivação do brasileiro.

Segundo o presidente da Argentina, Alberto Fernández, a pistola .380, tinha cinco projéteis e não disparou apesar de ter sido acionada, tudo indica que a arma falhou.

“Estamos colaborando para esclarecer o mais rapidamente isso e ver a totalidade do acontecimento, em que tentaram assassinar a vice-presidenta Cristina Kirchner. É um desastre, estamos tentando dar conta de entender o significado deste ato que tem tanta transcendência, que vai impactar em todo o cenário político argentino”, afirmou o diretor da Agência Federal de Inteligência Argentina.

Fonte: horabrasilia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *