Lula E Padre Kelmon Protagonizam Discussão Acalorada

Brasil Política

Brasil – Um dos pontos altos do debate realizado pela Rede Globo foi o confronto entre o ex-presidiário Lula (PT) e o Padre Kelmon (PTB). Num tom semelhante ao seu amigo Ortega, ditador da Nicarágua, o petista se mostrou indisposto a ser cordial com o religioso.

Em determinado momento do debate, a câmera precisou fugir dos candidatos e ficar em William Bonner para não mostrar os ataques violentos de Lula ao padre. Veja vídeo:

A discussão teve início depois de Kelmon ter dito que Lula era o líder do maior escândalo de corrupção da história mundial. Lula rebateu e acusou o petebista de estar desinformado. Kelmon, então, interrompeu o candidato do PT — o que provocou desconforto no mediador do debate, o jornalista William Bonner.

“Candidato Kelmon, não consigo entender”, advertiu Bonner. “Já falei algumas vezes. O senhor compreendeu que há regras no debate? O senhor concordou com elas, basta cumpri-las. Quando seu adversário estiver falando, é só aguardar. O senhor terá direito à réplica. É assim que funciona.”

“Candidato laranja não tem respeito por regra”, afirmou Lula, ao retomar o discurso. “Candidato laranja faz o que quer.”

Depois, ambos os candidatos trocaram agressões verbais. “O senhor tem de respeitar um padre”, advertiu Kelmon. “O senhor é um padre fantasiado”, respondeu Lula. A troca de farpas motivou nova intervenção de Bonner, que pediu à produção do debate que cortasse o microfone dos candidatos. “Peço desculpas ao público, porque, infelizmente, não está havendo o cumprimento do ordenamento que havia sido feito com todos os candidatos”, disse. As informações são da Revista Oeste.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *